quarta-feira, 25 de maio de 2011

Eu fico pensando se alguém me ama em segredo. Se alguém chora quando lembra de mim. 

Se alguém sente borboletas no estômago quando chega perto. Se quando põem a cabeça no 

travesseiro lembra do meu sorriso, meu cheiro, meu jeito. Se alguém liga o rádio, escuta uma musica e 

vem meu nome em sua cabeça. Se um dia eu descobrir talvez eu morra com a consciência pesada. Eu sei 

como é sofrer de amor por um individuo que nunca pensou em você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário